Dia da Saudade

escrito por Rafael Fernandes

No dia 30 de janeiro é comemorado o dia da saudade, essa palavra existe apenas na língua portuguesa e galega e serve para definir o sentimento de falta de alguém ou de algum lugar.

De origem latina, saudade é uma transformação da palavra solidão, que na língua escreve-se “solitatem”. Com o passar dos anos, assim como outras palavras se transformam de acordo com as variações da pronúncia, solitatem passou a ser solidade, depois soldade e, finalmente, saudade.

Podemos considerar que no dia da saudade as pessoas se dedicam às lembranças de seus entes queridos que estão ausentes, de fatos que viveram ou de lugares e objetos que marcaram suas vidas. Isso faz com que a palavra saudade se torne melancólica, trazendo certo sofrimento.

Saudade é também definida como “a sensação de incompletude, ligada à privação de pessoas, lugares, experiências, prazeres já vividos e vistos, que ainda são um bem desejável”, segundo o dicionário Veja Larousse.

Em outras línguas não existe uma palavra capaz de traduzir o significado amplo de saudade, mas algumas delas trazem conceitos próximos, mas não tão nobres. Em inglês, saudade é “I miss you” que quer dizer sinto sua falta; em Francês “souvenir”, que significa lembrança; em italiano “ricordo affetuoso”, recordação afetuosa; em espanhol “recuerdo ou te extraño mucho", que significam lembrança e sinto falta, respectivamente.


Ao longo da história podemos perceber a saudade nas músicas e nos poemas, desde longos anos. Charlie Chaplin diz: “Sorri quando a dor te torturar. E a saudade atormentar os teus dias tristonhos vazios”; Luis Fernando Veríssimo determina que “não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar”; Vinícius de Moraes e Tom Jobim cantaram a saudade dizendo: “Chega de saudade, a realidade é que sem ela não há paz, não há beleza é só tristeza e a melancolia que não sai de mim, não sai de mim, não sai”.

E o rock não podia deixar de se manifestar sobre o tão nobre sentimento. Raul Seixas registrou sua expressão na letra que diz “hoje é feriado, é o dia da saudade, hoje não tem aula pra garotada, velhas de varizes na calçada, só na saudade”. Feliz Dia da Saudade!


8 Comentaram:

  1. ótimo post! bem lembrado sobre a data! Eu nunca senti tanta saudade de alguém, mas também não quero sentir, deve ser muito ruim...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade. Dói sentir saudades... Nunca que eu quero sentir isso, mas sinto de vez em quando de alguns momentos...

      Excluir
  2. Gostei do estilo e design do blog =)

    Saudade faz parte das lembranças que encerramos com as sensações.

    www.luliskd.blogspot.com

    Segue e deixa um comentário tmb? *-------*

    ResponderExcluir
  3. Não sabia que hoje era dia da saudade. Aliás, nem sabia que tinha um dia para isso. ^^
    Interessante... É, saudades dói.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, deu uma saudade de tudo quando se fala disso. Saudade dói mesmo!

      Excluir
  4. Rafa, um dos seus melhores posts!
    Adorei!
    Acho um orgulho ser a nossa a única língua que contem essa palavra, afinal, só nós sabemos o que é isso. Em nenhuma outra cultura, mesmo que o sentimento exista, é possível de explicá-lo!
    Adoro os trechos que você selecionou!
    Beijão e parabéns pelo lindo post!

    ResponderExcluir