Dicas Harlequin - A Colcha de Despedida

escrito por Rafael Fernandes

Autor: Susan Wiggs
Editora: Harlequin
Páginas: 285
Onde comprar: Aqui
Nota sobre o livro: 3 de 5

Sobre o que é a história?
Sobre uma mãe em busca da razão de viver. Molly está prestes a entrar na faculdade, durante a viagem das duas à escola ambas vão se despedindo até o momento que a mãe dela tem que dizer adeus por um longo tempo, Linda começa a refletir sobre tudo, ao perceber como será sua vida após ficar somente com Dan seu marido e seus retalhos de quilt, seus sentimentos começam a se confundir, na realidade ela vivia para a filha, a faculdade é muito longe de casa, como será sua vida sem ela no período de 4 anos?

O que eu achei de tudo?
Um livro lindo e emocionante, por se tratar de um livro Harlequin eu me surpreendi muito, o livro é mais voltado para o público feminino (materno).

Chamei minha vizinha do fundo de casa para tirar uma foto com o livro, ela aceitou toda tímida, já que ela se encantou com a capa e tudo o mais eu tive que obrigá-la a fazer uma pose com a foto. Contei-lhe um pouco da história e já quis pegar de mim, se encantou totalmente. Dona Jesulina é mãe igualmente à Linda da história de A Colcha de Despedida.
Como são os personagens?
A personagem principal é Linda, a mãe mandona, atenciosa, criativa e vários outras qualidades, é daquelas personagens que você sente tudo o que ela passa, a dor de deixar a úncia filha, a tristeza só de pensar em dizer adeus nem que seja só por um tempo, parece que todos os sentimentos de amor está tudo num só lugar, na vida de Linda. 

E a narrativa?
É em estilo road trip. Gostosa de se ler, Susan Wiggs escreve com maestria, pela sinopse o leitor vai saber que durante a viagem Linda quer acabar seu quilt o quanto antes, uma espécie de colcha de retalhos, que relembram toda a vida que passaram juntas, para quando terminar deixar de lembrança para Molly em seu quarto da faculdade.

Segundo o Wikipédia, quilt é uma espécie de colchão ou almofadão preenchido com algo macio e quente (assim como penas, lã ou cabelos) e usado para deitar ou cobrir, feito também com retalhos de tecidos.

Concluindo, vale a pena?
Sim, vale a pena, eu indico tanto para filhos, como pais e mães, avós, avôs... o livro é pra todo mundo, pra toda família. Impossível não se enlevar com essa história rápida e emocionante.


10 Comentaram:

  1. A história desse livro lembra muito a minha. Tive que me mudar pra outra cidade pra fazer faculdade. Não rolou essa parada de quilt, mas meus pais sentiram muito minha partida, pois era o único filho que ainda morava com eles. Enfim, acho que a história deve ser bem emocionante. Fiquei bem curioso pra ler.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você vai se emocionar ainda mais com o livro por se identificar pela história. Que demais!

      Excluir
  2. Não sabia que o livro é assim, mas continuo achando que não é pra mim, eu não consigo me identificar na historia sabe? Mas acho genial pra quem já viveu algo assim. Agora quero ler o outro livro da autora, apenas respire acho, me aprece bem emocionante também, harlequin não é só banca, mas acho que deviam divulgar mais, só vejo divulgando banca ¬¬
    Bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também estranhei o estilo da história, porque pra mim os modelos de banca são sempre reservados para os "hot", nesse não vemos isso, a Editora está inovando positivamente. =D

      Excluir
  3. Mas é bacana ver um outro estilo de história além dos "hot" da Harlequim, não é? Eu, como mãe, já fiquei aqui com o coração apertado e olha que minha filha é pequenininha. Adorei a foto, Rafa! Genial a sua ideia e a dona Jesulina ficou muito bem na foto.

    ResponderExcluir
  4. Parece ser uma história muito linda mesmo Não tinha ouvido falar.

    ResponderExcluir
  5. Achei a capa do livro linda mas o livro não faz meu gênero de leitura. Ainda não li nada da Susan Wiggs.

    Érica Martins
    Espiral dos Sonhos

    ResponderExcluir
  6. Ahhh adorei a foto da vizinha, Rafa rsrs Muito bom!
    Sinceramente, não sinto vontade em ler esse livro. Até achei interessante quando vi a capa pela primeira, mas depois ao descobrir melhor a história, perdi o interesse rs

    Bjs,
    Kel
    www.itcultura.com.br

    ResponderExcluir
  7. E aí, Rafa!

    Esse livro parece ser legal, me lembrou A Distância Entre Nós, não pela história em si, mas mais pela atmosfera que ela cria. Legal você pesquisar e chamar até a vizinha pra fazer parte hahaha
    agora, confessando uma coisa aqui: nunca li NADA da Harlequim. Os livros são meio carinhos, ne? =P

    ótimo post, Rafa! Sucesso!

    Pedro Almada
    http://inspirados-oandarilhodotempo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OMG Pedro, como assim? Os livros da Harlequin, ainda mais os de banca costumam ser muito baratos (menos de 10 reias +/-)...

      Já estava com saudades Pedrão, farei uma visita assim que possível. o/

      Excluir